sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Lendo poesias


Ontem li Neruda
Lembrei de Pessoa
De Cecília
Lembrei do tamanho do quintal
...de Manoel, afinal
Pensei no Milton
Na Sarah
Na outra Sarah
...e no Jareth
Na folha de amendoeira 
...voando
Na lua dançante
Na dança
Na cinza-marimbondo
Pensei na voz 
...e nos olhos verdes
Lembrei da ternura
E da filha 
...no colo, no peito
Memórias do abraço
...abraços
Do cheiro
Da maresia
Do mar, do vento
Suspirei pela lua
...que nascia no mar
Chorei pela pequena dourada
...que tão cedo se vai
Sequei as lágrimas
...pelas jornadas
(todas elas)
...que a vida nos traz
Confortei a alma
Foquei no encontro
...e no presente
Tonal e nagual
Amor cultivado
Benção e tormento
Inevitável crescimento



(Flavia Alves)







Nenhum comentário:

Postar um comentário