quinta-feira, 24 de outubro de 2013

O Querer


Dois somos, entre realidade e sonho, nudez... Suor

Enlace de dedos, cabelos, peles, dança de corpos... Um nó

Saciez do fulgor, impetuosidade desmedida, tensão e gozo... Ardor

Eixos deslocados, equilíbrio desequilibrado, pressa pelo sabor... Prazer

Jornada retomada, hiato silenciado, inegável anseio... Querer

Obscenidades cedidas, almejadas, fantasias intensas e quentes... Poder



(Flavia Alves)




Nenhum comentário:

Postar um comentário